ESPOSENDENSES - NA RIBEIRA OU NO MUNDO

O encontro de todos os filhos ou rendidos ao Privilégio da Natureza

ESSA FIGURA, TALVEZ IMPAR, DO ESPOSENDE SPORT CLUBE - O NHECO.

Lembro-me que, em pequeno, detestava jogar à bola com ele a jogar, pois , embora fosse mais novo do que eu, era quase impossível alguém tirar-lhe a bola dos pés! Às vezes pegava a bola na defesa, fintava todo mundo, chegava à baliza e, numa de gozo, fazia que chutava, vinha com a bola outra vez para trás, tornava a fintar tudo e metia golo! Era incrível! Isto fazia com que o jogo com ele a jogar, se tornava chato, porque além de não deixar ninguém jogar, ainda era um gozão.
Penso que eu deixei de gostar de jogar futebol por causa do Fernado! Quando eu ia jogar ele estava sempre lá - não fazia outra coisa- e depois de lá estar, ninguém mais pegava na bola! Era muito chato! Ele não sabe que se eu deixei de gostar de jogar a bola a ele o devo.
De qualquer das formas, eu perdoo-o por isso, pois não se perdeu nada e, ao longo da sua gloriosa carreira, compensou-me com exebições que me deliciaram!
Quem a elas assistiu, jamais as esquecerá.

Exibições: 48

Responder esta

Respostas a este tópico

Se tivesse jogado nos dias de hoje, e não fosse aquele bom malandro que não gostava muito de "comer relva", o Fernando seria um craque de um dos grandes do futebol português. Lembro-me que, há muitos anos, tive a honra de ser convidado para lhe colocar a faixa de campeão distrital, como atleta do ESC, seu clube de sempre.
Realmente o Fernando não fazia grande coisa para ser bom! A capacidade que revelava para o futebol era um dom intrínseco do seu físico, da paixão que sentia pela bola e não da sua personalidade.
Era uma personalidade livre, que só fazia aquilo de que gostava, sem sujeição a pressões ou interesses de qualquer ordem. Também na sua vida privada parecia só se interessar por viver o momento presente, sem qualquer preocupação com futuro.
Foi pena! Penso que pela sua atitude desinteressada, Portugal perdeu um dos que poderia ter sido um dos grandes do futebol português.
Realmente, o Sr fernando nasceu na epoca errada, pelo que já ouvi falar dele!
O filho o nheco junior era a mesma coisa! Jogava muito bem a bola, só que era muito " malandro", ou seja não gostava de correr. fintava toda a gente e depois não corria.EHEH
Infelizmente não tive o prazer de assistir o Sr. Fernando a jogar à bola, mas das histórias que ouvi, uma foi-me contada pelo meu sogro ( Luís Marcelo ), foram os dois à experiência a um treino do Boavista e depois de terem "partido a loiça toda" foi-lhes dito que aparecessem no próximo treino para ver se conseguiam arranjar um lugar para eles, obviamente que os directores do Boavista não se queriam mostrar impressionados, mas a verdade é que o Sr. Fernando nunca mais lá apareceu por não ter gostado do que lhe disseram, mas ninguém melhor do que o próprio para contar esta e outras estórias!!!
Caro Pedro Herique,
Daquilo que conheço do Fernando, não me parece que ele se desse a esse trabalho. Como disse, é uma personalidade
livre que só faz aquilo que lhe dá gozo e para o resto... ele não está nem aí.
Abraço.
Pedro Henrique Miranda disse:
Infelizmente não tive o prazer de assistir o Sr. Fernando a jogar à bola, mas das histórias que ouvi, uma foi-me contada pelo meu sogro ( Luís Marcelo ), foram os dois à experiência a um treino do Boavista e depois de terem "partido a loiça toda" foi-lhes dito que aparecessem no próximo treino para ver se conseguiam arranjar um lugar para eles, obviamente que os directores do Boavista não se queriam mostrar impressionados, mas a verdade é que o Sr. Fernando nunca mais lá apareceu por não ter gostado do que lhe disseram, mas ninguém melhor do que o próprio para contar esta e outras estórias!!!

Responder à discussão

RSS

© 2020   Criado por José Alexandre Areia L Basto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço