ESPOSENDENSES - NA RIBEIRA OU NO MUNDO

O encontro de todos os filhos ou rendidos ao Privilégio da Natureza

Este texto é uma espécie de confissão embora de pouco arrependimento, já que tudo não passou de uma grande brincadeira.
Quando a sede do Agrupamento era por cima da Sacristia norte, cada patrulha tinha o seu cantinho que tentava engalanar o melhor que podia. Acontece que o nosso Guia era o Né Beleza com aquelas suas mãos super abilidosas. Vai daí fez um cofre em madeira de alto gabarito. Do tamanho de uma folha A4 ao alto e com a mesma profundidade, lá estava ele aparafusado à parede do nosso canto. Mas o nosso verdadeiro orgulho constava de uma gaveta de fundo falso onde guardavamos os altos segredos da patrulha.
Este cofre, tende paciência, era a inveja de todos os outros.
Acontece que na Patrulha Gaivota também havia umas mãos habilidosas, as do Luís da Ritinha.
Uma tarde, com geitinho, tirou os eixos das dobradiças e pôs a nu todos os documentos secretos da nossa gaveta de fundo falso. Que horror!... Sentimo-nos violados, vandalizados, desanimados, tudo o que de mal há e acabado em ados.
No dia seguinte, cerca das quatro da tarde, eu o Bacelos e o Landito entramos de mansinho na Sacristia, espreitamos, não vimos viva alma, subimos ao salão e, enquanto o Bacelos tomava conta nas escadas, eu e o Landito urinamos nos cantis brancos de plástico da Patrulha Gaivota. Depois troquei com o Bacelos que veio atestar os ditos. Tavamos vingados.
E aqueles que se lembram desta história devem também lembrar-se da bronca dos dias seguintes...

Exibições: 29

Respostas a este tópico

Como esposendense quero feliciatar e dar os meus sinceros parabéns a todos os quee fizeram parte deste grande Projecto que foram os "ESCUTEIROS".
Foram muitos, infindáveis "estórias" mas não tenho a menor duvia que o ESCUTISMO é e foi uma grande escola onde se "reconstrói" o futuro Homem ou Homem do futuro na sua dimensão humana, social, cultural, cívica para além de muitas competetências essenciais à formação do futuro cidadão.

Parabéns aos seus fundadores e "seguidores"...
Carlos Barros.

RSS

© 2020   Criado por José Alexandre Areia L Basto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço