ESPOSENDENSES - NA RIBEIRA OU NO MUNDO

O encontro de todos os filhos ou rendidos ao Privilégio da Natureza

Espanta-me a capacidade que Esposende possui de me surpreender e encontrar motivos para nos orgulharmos.
Vem isto a propósito do concerto, a que assisti na noite de ontem, comemorativo do 30.° aniversário da Escola de Música de Esposende. Impressiona a capacidade, a qualidade e a quantidade de participantes, assim como o que espetáculos como este representam de entrega, sacrifício e vontade por parte de alunos, ex-alunos e professores.
Admira-me também como este pequeno concelho tem vindo a "produzir" tanto grupo coral que acho sempre melhor do que qualquer outro.
Certamente que há explicação para que isto aconteça. Temos cá muito boa gente que, discretamente, tem vindo a fazer trabalho notável. Honra se faça a todos quantos, através da música, têm vindo a contribuir para o desenvolvimento desta terra, da população em geral e da juventude em particular.
Para satisfazer a minha ignorância nesta matéria, peço a quem saiba, o favor de me contar a história da Escola de Música de Esposende, quais os seus protagonistas, local (ou locais) de funcionamento, etc., etc.
Desde já, agradeço o contributo.

Exibições: 25

Comentar

Você precisa ser um membro de ESPOSENDENSES - NA RIBEIRA OU NO MUNDO para adicionar comentários!

Entrar em ESPOSENDENSES - NA RIBEIRA OU NO MUNDO

Comentário de Maria Paula Fernandes Ferreira em 9 agosto 2017 às 22:43

É verdade, Zé Alexandre. Tem havido uma grande evolução tanto na música como em grupos corais, incluindo o coro sénior que, por acaso, nunca vi actuar e que é composto por elementos de todas as freguesias do concelho.

Sobre a escola de música não sei nada da sua história, mas o local de funcionamento, creio que é na Casa da Juventude.

© 2020   Criado por José Alexandre Areia L Basto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço